TV Babaca S01 EP01 – Elysium e Diablo III


O Afoito Tremyen e seu querido Diablo III para PS3


Unboxing do Diablo 3 – Versão de pré-venda.

Minha ficha! 8-)


I Am A: Neutral Good Human Wizard (6th Level)

Ability Scores:

Strength-10

Dexterity-10

Constitution-14

Intelligence-14

Wisdom-16

Charisma-15

Alignment:
Neutral Good A neutral good character does the best that a good person can do. He is devoted to helping others. He works with kings and magistrates but does not feel beholden to them. Neutral good is the best alignment you can be because it means doing what is good without bias for or against order. However, neutral good can be a dangerous alignment when it advances mediocrity by limiting the actions of the truly capable.

Race:
Humans are the most adaptable of the common races. Short generations and a penchant for migration and conquest have made them physically diverse as well. Humans are often unorthodox in their dress, sporting unusual hairstyles, fanciful clothes, tattoos, and the like.

Class:
Wizards are arcane spellcasters who depend on intensive study to create their magic. To wizards, magic is not a talent but a difficult, rewarding art. When they are prepared for battle, wizards can use their spells to devastating effect. When caught by surprise, they are vulnerable. The wizard’s strength is her spells, everything else is secondary. She learns new spells as she experiments and grows in experience, and she can also learn them from other wizards. In addition, over time a wizard learns to manipulate her spells so they go farther, work better, or are improved in some other way. A wizard can call a familiar- a small, magical, animal companion that serves her. With a high Intelligence, wizards are capable of casting very high levels of spells.

Find out What Kind of Dungeons and Dragons Character Would You Be?, courtesy of Easydamus (e-mail)

Maratona de música.


Pois é galera, quem me conhece sabe que sou fã da série de livros 1001 … Antes de morrer. Comecei com os filmes, e agora parti para os discos.

Quem me acompanha no Twitter já deve ter visto alguns posts com minhas opiniões sobre os discos que estou escutando, no exato momento que termino de escutar.

Então, pra facilitar pros “atrazildos”, vou manter este post atualizado com esses Twitts para futura referência.

Lembro que não sou critico de música, e estas são apenas opiniões pessoais de um ser humano normal.😉

#1001Discos 0015 Billy Holiday – Lady In Satin [1958]-Perdeu o amor e precisa curtir uma fossa? Esse é o seu disco.Bebida forte é recomendável.

#1001Discos 0014 Little Richard – Here’s Little Richard [1957]-Se você não ouviu esse disco, provavelmente é surdo. Maravilhoso disco atemporal.

#1001Discos 0013 Machito Kenya [1957] – Ótimo disco de Jazz Afro, na minha opinião bem melhor que o Sabu Palo Congo. Menos santeria, mais musica.

#1001Discos 0012- Miles Davis – Birth Of The Cool- Um disco mega lento, pedra fundamental do Jazz. Não escute se estiver com sono.

#1001Discos 0011 Sabu Palo Congo [1957] – Contagiante,com delicioso clima latino de santeria. Cheio de musicas que você gosta mas não sabe quem é

#1001Discos 0010 Thelonious Monk – Brilliant Corners [1957]- a palavra que define é… esquisito. Vale pela curiosidade.

#1001Discos 0009 Count Basie – The Atomic Mr. Basie [1957]-Clima baile BIG Band festivo, intercala lentas e rápidas. Algo que O Máscara escutaria.

#1001Discos 0008 Buddy Holly – The “Chirping” Crikets [1957]-Um disco curto, com alguns mega clássicos, mas a obra como um todo não é isso tudo.

#1001Discos 0007 Frank Sinatra – Songs For Swingin’ Lovers[1956]-O Bom e velho Frank Sinatra pagando de pegador. Tipo Fabio Junior, só que bom.

#1001Discos 0006 Duke Ellington – At Newport [1956]-Coletânea com dois discos e um mega clima de BIG Band. Algo que o Dick Tracy escutaria.

#1001Discos 0005 Fats Domino – This Is Fats[1957] – Um bom disco, difícil de encontrar. Entretanto não o considerei genial. Datou com o tempo.

#1001Discos 0004 Louis Prima – The Wildest! – Um disco FANTÁSTICO, com a maravilhosa vibe do inicio do Rock. Um achado!😎

#1001Discos 0003 Louvin Brothers – Tragic Songs of Life (1956): O disco que define a musica country americana. Não me agradou pelo gênero.

#1001Discos 0002 Elvis Presley [1956] – O Talento puro do cantor, ainda intocado pelas grandes gravadoras e produtores de renome.

#1001Discos 0001 In The Wee Small Hours – Um disco lento e “depre” que nem lembra o Frank Sinatra que conhecemos. Perfeito pra relaxar.

 

O Boi de Piranha


O Boi de Piranha. 

Acredito que todos os meus “miguchos” de Facebook sabem a origem do termo “Boi de Piranha”, mas – para os desavisados – segue uma pequena explicação do termo, devidamente roubada da Wikipédia: 

-“A expressão vem do meio rural, onde criadores de gado, ao atravessar um rio infestado de piranhas, abatiam um dos touros, já velho e/ou doente, e atiravam seu corpo, sangrando, ao rio, para atrair os peixes carnívoros enquanto eles mesmos e o resto da manada conseguiriam passar a outra margem sem serem incomodados.”

Neste momento, Natan Donadon é o boi de piranha. 

Estava pegando mal esse negócio do Brasil ser o único pais DO MUNDO aonde não existe nenhum condenado de corrupção na prisão. Até a imprensa comprada já estava dando essa noticia. Pega muito mal no cenário internacional esses pequenos detalhes. 

Então, sacrificado e sangrado, Natan Donadon é jogado ao povo que nesse momento quer a carne e o sangue de alguém. Somo todos piranhas nesse momento.

Enquanto isso, pela margem vão passando Paulo Maluf, Orestes Quércia, Collor de Melo, José Sarney, Renan Calheiros e – porque não dizer – Dilma e sua filha e Lula e seu filho. 

Se somos piranhas, que pelo menos o cache seja bom. Joguem uma carne um pouco mais tenra, como Renan Calheiros por exemplo.

Talvez assim vocês consigam o país de volta. Ou não.

Bomba, Bomba! Cabral faz pronunciamento em Paris!


” Tenho procurado por todos os meios possíveis conservar a neutralidade de que até agora tem gozado os meus fiéis e amados vassalos e apesar de ter exaurido o meu Real Erário, e de todos os sacrifícios a que me tenho sujeitado, chegando ao excesso de fechar meus reinos aos vassalos do meu antigo e leal aliado, o rei do Rio de Janeiro, expondo o comércio dos meus vassalos a total ruína, e a sofrer por este motivo grave prejuízo nos rendimentos de minha coroa. Vejo que pelo interior do meu reino marcham tropas de insurgentes, a quem eu me havia unido no continente, na persuasão de não ser mais inquietado. Querendo evitar as funestas conseqüências que se podem seguir de uma defesa, que seria mais nociva que proveitosa, servindo só de derramar sangue em prejuízo da humanidade, tenho resolvido, em benefício dos mesmos meus vassalos, passar com a rainha minha senhora e mãe, e com toda a real família, para os estados de Paris e estabelecer-me na cidade luz até a paz geral.”

Sergio Cabral – 26 de novembro de 1807.

Mandaram tirar da CBN? Sem problemas, eu ponho no meu blog.


A VERDADE ESTÁ NA CARA, MAS NÃO SE IMPÕE.
(ARNALDO JABOR)

O que foi que nos aconteceu?
No Brasil, estamos diante de acontecimentos inexplicáveis, ou melhor,’explicáveis’ demais.
Toda a verdade já foi descoberta, todos os crimes provados, todas as mentiras percebidas.
Tudo já aconteceu e nada acontece. Os culpados estão catalogados, fichados, e nada rola.
A verdade está na cara, mas a verdade não se impõe. Isto é uma situação inédita na História brasileira!!!!!!!
Claro que a mentira sempre foi a base do sistema político, infiltrada no labirinto das oligarquias, mas nunca a verdade foi tão límpida à nossa frente e, no entanto, tão inútil, impotente, desfigurada!!!!!!!!
Os fatos reais: com a eleição de Lula, uma quadrilha se enfiou no governo e desviou bilhões de dinheiro público para tomar o Estado e ficar no poder 20 anos!!!!
Os culpados são todos conhecidos, tudo está decifrado, os cheques assinados, as contas no estrangeiro, os tapes, as provas irrefutáveis, mas o governo psicopata de Lula nega e ignora tudo!!!!!
Questionado ou flagrado, o psicopata não se responsabiliza por suas ações. Sempre se acha inocente ou vítima do mundo, do qual tem de se vingar. O outro não existe para ele e não sente nem remorso nem vergonha do que faz!!!!!
Mente compulsivamente, acreditando na própria mentira, para conseguir poder. Este governo é psicopata!!! Seus membros riem da verdade, viram-lhe as costas, passam-lhe a mão nas nádegas. A verdade se encolhe, humilhada, num canto. E o pior é que o Lula, amparado em sua imagem de ‘povo’, consegue transformar a Razão em vilã, as provas contra ele em acusações ‘falsas’, sua condição de cúmplice e Comandante em ‘vítima’!!!!!
E a população ignorante engole tudo.. Como é possível isso?
Simples: o Judiciário paralítico entoca todos os crimes na Fortaleza da lentidão e da impunidade. Só daqui a dois anos serão julgados os indiciados – nos comunica o STF.
Os delitos são esquecidos, empacotados, prescrevem. A Lei protege os crimes e regulamenta a própria desmoralização Jornalistas e formadores de opinião sentem-se inúteis, pois a indignação ficou supérflua. O que dizemos não se escreve, o que escrevemos não se finca, tudo quebra diante do poder da mentira desse governo.
Sei que este é um artigo óbvio, repetitivo, inútil, mas tem de ser escrito…
Está havendo uma desmoralização do pensamento.
Deprimo-me:
Denunciar para quê, se indignar com quê? Fazer o quê?’
A existência dessa estirpe de mentirosos está dissolvendo a nossa língua. Este neocinismo está a desmoralizar as palavras, os raciocínios. A língua portuguesa, os textos nos jornais, nos blogs, na TV, rádio, tudo fica ridículo diante da ditadura do lulo-petismo.
A cada cassado perdoado, a cada negação do óbvio, a cada testemunha, muda, aumenta a sensação de que as idéias não correspondem mais Aos fatos!!!!!
Pior: que os fatos não são nada – só valem as versões, as manipulações.
No último ano, tivemos um único momento de verdade, louca, operística, grotesca, mas maravilhosa, quando o Roberto Jefferson abriu a cortina do país e deixou-nos ver os intestinos de nossa política.
Depois surgiram dois grandes documentos históricos: o relatório da CPI dos Correios e o parecer do procurador-geral da república. São verdades cristalinas, com sol a Pino.
E, no entanto, chegam a ter um sabor quase de ‘gafe’.
Lulo-Petistas clamam: ‘Como é que a Procuradoria Geral, nomeada pelo Lula, tem o desplante de ser tão clara! Como que o Osmar Serraglio pode ser tão explícito, e como o Delcídio Amaral não mentiu em nome do PT ? Como ousaram ser honestos?’
Sempre que a verdade eclode, reagem.
Quando um juiz condena rápido, é chamado de exibicionista’. Quando apareceu aquela grana toda no Maranhão (lembram, filhinhos?), a família Sarney reagiu ofendida com a falta de ‘finesse’ do governo de FH, que não teve a delicadeza de avisar que a polícia estava chegando….
Mas agora é diferente.
As palavras estão sendo esvaziadas de sentido. Assim como o stalinismo apagava fotos, reescrevia textos para contestar seus crimes, o governo do Lula está criando uma língua nova, uma neo-língua empobrecedora da ciência política, uma língua esquemática, dualista, maniqueísta, nos preparando para o futuro político simplista que está se consolidando no horizonte.
Toda a complexidade rica do país será transformada em uma massa de palavras de ordem , de preconceitos ideológicos movidos a dualismos e oposições, como tendem a fazer o Populismo e o simplismo.
Lula será eleito por uma oposição mecânica entre ricos e pobres, dividindo o país em ‘a favor’ do povo e ‘contra’, recauchutando significados que não dão mais conta da circularidade do mundo atual. Teremos o ‘sim’ e o ‘não’, teremos a depressão da razão de um lado e a psicopatia política de outro, teremos a volta da oposição Mundo x Brasil, nacional x internacional e um voluntarismo que legitima o governo de um Lula 2 e um Garotinho depois.
Alguns otimistas dizem: ‘Não… este maremoto de mentiras nos dará uma fome de Verdades’!

Os números de 2012


Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2012 deste blog.

Aqui está um resumo:

4,329 films were submitted to the 2012 Cannes Film Festival. This blog had 19.000 views in 2012. If each view were a film, this blog would power 4 Film Festivals

Clique aqui para ver o relatório completo

Mais uns certificadinhos.


Obrigado, MVA:

Certificado Fundamentos de Desenvolvimento de Software.

Certificado de Conclusão em HTML 5

Meus primeiros passos no desenho.


%d blogueiros gostam disto: